top of page
Buscar

As melhores cidades para viajar sozinha como mulher

Muitas mulheres têm relutância em viajar sozinhas, principalmente por medo da solidão, mas também por razões de segurança. Se é verdade que alguns destinos não são recomendados para as mulheres que viajam sozinhas, muitas cidades fazem o possível para as acolher nas melhores condições possíveis. Num estudo realizado em janeiro de 2023, o operador turístico Tourlane elaborou uma lista das melhores cidades para viajar sozinha como mulher. E a boa notícia é que a JOOKS tem percursos turísticos e desportivos em todas elas! Por isso, vista os seus ténis e atreva-se a partir à aventura!



1- Copenhaga



No topo do ranking, a capital dinamarquesa tem muitos trunfos para atrair os viajantes a solo: ruas bem iluminadas, uma extensa rede de transportes públicos, habitantes simpáticos... tudo isto numa das cidades mais agradáveis do mundo. JOOKS propõe-lhe três percursos para descobrir Copenhaga e os seus tesouros. Da escultura da Pequena Sereia ao Museu Nacional da Dinamarca, passando pelo porto de Nyhavn, não perderá nenhum dos pontos de visita obrigatória da capital escandinava.


2- Estocolmo



O segundo lugar vai para outra cidade escandinava, Estocolmo. Regularmente classificada como uma das cidades mais seguras do mundo, a capital sueca tem uma taxa de criminalidade muito baixa e uma força policial altamente eficiente. A cidade é também conhecida por ser muito acolhedora, especialmente para as mulheres. Existem numerosas iniciativas e programas para promover a igualdade entre os géneros e a autonomia das mulheres. Graças aos nossos quinze itinerários, terá muito por onde escolher quando se trata de desvendar os segredos da Veneza do Norte.


3- Oslo



Tal como a maioria dos países nórdicos, a Noruega é um dos locais mais seguros do mundo para viajar. Uma taxa de criminalidade extremamente baixa, uma rede de transportes eficiente, uma população local aberta e acolhedora para todos os visitantes, especialmente para as mulheres: Oslo tem todos os ingredientes para uma viagem a solo perfeita. A capital norueguesa é encantadora, com a sua proximidade da natureza, a sua abertura ao mar, a sua cultura, a sua arquitetura e as suas esplanadas da moda. Com os nossos três percursos de 5 km, 10 km e 16 km, não vai perder um único momento.


4- Singapura



Única cidade não europeia no ranking, Singapura tem tudo para agradar. As mulheres que viajam sozinhas apreciarão a limpeza das ruas, a forte sensação de segurança (mesmo à noite) e a grande diversidade da cidade, onde os arranha-céus convivem com bairros históricos e numerosos parques e jardins. Com menos de 50 quilómetros de leste a oeste e cerca de 27 quilómetros de norte a sul, Singapura é uma cidade onde nada é demasiado longe. Os nossos três itinerários devem ser suficientes para percorrer a cidade-estado e apreciar todos os seus locais e monumentos emblemáticos.


5- Viena



Conhecida pelo seu famoso Palácio de Schönbrunn e pelos seus cafés, Viena é geralmente considerada uma cidade segura para as mulheres que viajam sozinhas, com uma baixa taxa de criminalidade e um elevado nível de vida. Alguns hotéis e albergues em Viena oferecem mesmo pisos ou quartos só para mulheres, o que aumenta a sensação de segurança e privacidade para as mulheres que viajam sozinhas. Com nada menos do que 27 rotas na capital austríaca, é provável que encontre um itinerário adequado para explorar a cidade.


6- Barcelona



Para aqueles que preferem destinos solarengos, Barcelona é o local ideal. A Espanha é conhecida pela sua cultura amigável e aberta, e a cidade de Gaudí não é exceção. As ruas são bem iluminadas e têm uma forte presença policial, e os crimes violentos são raros. Para além da sua atmosfera animada e acolhedora, Barcelona tem um encanto muito próprio e um património cultural e religioso incomparável. Os cerca de trinta percursos disponíveis no JOOKS permitir-lhe-ão explorar todos eles, desde a imperdível Sagrada Família até ao Parque Güell.


7- Helsínquia



A inclusão de Helsínquia nesta classificação confirma, mais uma vez, que os países nórdicos estão entre os mais seguros do mundo para as mulheres que viajam sozinhas. A cultura finlandesa dá grande importância ao respeito pelas regras e pela lei, e o país lidera regularmente os rankings mundiais de igualdade de género e segurança. Os nossos três itinerários levam-na a percorrer a arquitetura, o património e os incríveis jardins de Helsínquia, fazendo da capital finlandesa uma verdadeira favorita para qualquer mulher que se atreva a aventurar-se sozinha.


8- Lisboa



Dinâmica e animada, Lisboa é uma cidade com uma história e uma cultura ricas. É também um destino onde o sol brilha quase todo o ano e onde as pessoas são simpáticas e sorridentes. Lisboa dispõe ainda de uma extensa rede de transportes públicos e de alojamento a preços acessíveis, incluindo pousadas de juventude, pensões e hotéis, adequados para quem viaja sozinho. Mais uma razão para descobrir a cidade das mil cores. Graças aos nossos quatro itinerários, a capital portuguesa não terá mais segredos para si!


9- Londres



Uma cidade cosmopolita, multicultural e cativante, Londres é um destino obrigatório para quem deseja viajar sozinho. A maioria das mulheres que visitam Londres a solo consideram-na um contraste refrescante em relação às suas experiências anteriores. O Reino Unido também se concentra fortemente na igualdade de género e nos direitos das mulheres, ajudando a criar um ambiente seguro e inclusivo para as mulheres viajantes. Descubra a capital do Reino Unido e os seus muitos bairros com os nossos 41 itinerários, que o levarão do coração da cidade até Richmond Park e Wembley.


10- Berlim



A animada vida nocturna de Berlim, as suas vastas opções gastronómicas e o seu cenário artístico único contribuíram para a sua reputação como a cidade mais "cool" da Europa. Apesar de não existirem provas empíricas que sugiram que a capital alemã é mais segura para as mulheres do que outras cidades, Berlim implementou uma política rigorosa de tolerância zero relativamente a agressões sexuais e violência contra as mulheres. Com mais de vinte percursos pela cidade, JOOKS permite-lhe descobrir a riqueza e a diversidade de Berlim, desde a Porta de Brandenburgo até à Potsdamer Platz.



Encontre todas estas rotas e mais de 1300 outras na aplicação JOOKS.




2 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo

Comments


bottom of page